Imprimir Postagem
IBGE finaliza CENSO em Bady e registra crescimento populacional expressivo.

Bady Bassitt conclui censo 2023 com crescimento populacional expressivo. A Prefeitura e a Câmara Municipal de Bady Bassitt receberam nesta terça-feira a visita do Superintendente Estadual do IBGE e da Coordenadora de Área do Censo 2023, que apresentaram os resultados preliminares do trabalho de censeamento realizado na cidade. Durante os trabalhos, os recenseadores visitaram as casas e os estabelecimentos comerciais de Bady Bassitt, coletando dados que são essenciais para o planejamento e o desenvolvimento do município.

O censo é a principal fonte de dados sobre a população e os domicílios do país, que permite conhecer as características socioeconômicas, demográficas e culturais dos brasileiros. O censo é realizado a cada dez anos pelo IBGE, mas em 2020 foi adiado para 2022 por causa da pandemia de covid-19, que impôs restrições sanitárias e orçamentárias para a realização da pesquisa.

Bady Bassitt se destacou como uma das cidades que mais cresceram no Brasil, com um aumento significativo na população estimada - os números oficiais serão divulgados no dia 28/06/2023. Esse crescimento se deve a vários fatores, entre eles: a duplicação da BR-153, a construção do trevo de acesso à cidade, a duplicação das avenidas principais e a excelente localização do município.

Com o reconhecimento oficial do crescimento pelo IBGE, a Prefeitura terá direito a receber mais recursos do FPM (Fundo de Participação dos Municípios), que prevê um aumento proporcional na arrecadação para Bady Bassitt. Esse incremento na receita é muito importante para investir em áreas prioritárias como saúde, educação e segurança pública.

O prefeito Luiz Antonio Tobardini comemorou os resultados do censo e afirmou que vai trabalhar para melhorar a qualidade de vida dos moradores. “Estamos muito felizes com o crescimento da nossa cidade, que mostra o potencial que temos para nos desenvolvermos cada vez mais. Vamos usar os recursos do FPM com responsabilidade e transparência, buscando atender as demandas da população nas áreas mais necessitadas. Queremos fazer de Bady Bassitt uma cidade cada vez melhor para se viver”, disse o prefeito.

Durante os trabalhos de visitação, os recenseadores tiveram dificuldades na cidade devido ao alto número de recusas e de casas vazias, essas residências serão contabilizadas através de uma metodologia própria do IBGE para que sejam considerados estes moradores. 

Comentários

Indique para um amigo

Use este formulário para indicar esta postagem para um amigo.

 Digite o texto no campo abaixo.

Mais notícias sobre Cidade